Domingo, Maio 24, 2009

_________________________________________________________________

...

Por favor, não mente.
Sejamos sinceros a partir de agora.
Eu veja bem, sou exatamente isto que você vê.
Sou este que vos escreve.
Que perde horas em palavras que relatam cenas de um umbigo rico em lamentos.
Mas, como se faz para sentir diferente?
Você também não sabe. Então, diga-me como se sente?
Realmente. Eu não posso te ajudar?
Sente-se.
Sente-se mal?
Bem, está tudo ok?
Quer um pedaço de mim?
Me conte, monte uma de suas histórias para eu ouvir atentamente.
Para odiar ou amar.
Para que eu sinta pena.
Para que tenhas dó de mim.
Para que sejamos invadidos de inveja ou de alegria, curiosidade ou fantasia.
Conte-me como é ser você?
Eu não sei.
Você tem alguma idéia?
Por onde devemos começar?
Já começamos devendo?
És linear?
Você me dará começo, meio e fim?
Vamos lá!
Pouco importa!
Muito prazer!
Vamos nos conhecer?
Este que vos escreve sou eu, exatamente como imagina.

Agora conte-me...
Como se sente?

blasphemy by: silver | 5/24/2009 11:12:08 PM |Comentários:


Domingo, Abril 19, 2009

_________________________________________________________________

Wishes

We don't wish for the easy stuff,
We wish for big things,
Things that are ambitious...out of reach.
We wish because we need help and we're scared and we know we may be asking too much.
We still wish, though, because sometimes they come true.

blasphemy by: silver | 4/19/2009 01:09:28 PM |Comentários:


Segunda-feira, Fevereiro 09, 2009

_________________________________________________________________

Partido...

Queria que ficasse.
Que cuidasse.
Que planejasse.
Organizasse.

Queria que fosse.
Que tivesse sido.
Que não voltasse.
Que se encontrasse.
Apaixonasse.

Queria tudo,
passado do meu jeito.
Agora,
não espero presente.

blasphemy by: silver | 2/9/2009 11:15:46 PM |Comentários:


Domingo, Janeiro 04, 2009

_________________________________________________________________

Closing 2008...

Termino o ano amando.
A mando dos juros do meu cheque especial.
A mando do que a natureza resolver guardar pra nós.
Preso no trânsito.
Tomando chuvas de verão.
Termino 2008 amando quase tudo o que vejo através do vidro embaçado do carro.
Por onde passa o menino de rua e joga espuma mesmo que eu lhe implore que não.
Não queria, mas obrigado por passar o rodo enquanto a cidade inunda.
O vendedor de mapas insistindo para que eu perceba...
Estamos todos perdidos.

Termino o ano amando.
Você e tudo que vem junto contigo.
Observo.
É a primeira vez que me vejo assim.
A mando dos prazeres.
A mando do coração com razão.
Das lembranças que não consigo ou não quero apagar.
Dos medos.
Da violência.

Termino o ano aliviado por este estar acabando.
Sedento por 2009.
Cheio de planos.
Com fé e pouca esperança.
Com coragem.

Fecho 2008 amando o teatro mágico de nossas maneiras.
Aguardando você chegar pra te levar pra passar outros anos ao meu lado.
Até a gente ficar velhinho.
Até meu joelho enrugar.
A mando do que sinto, do que me despertas.

Termino o ano amando.
Dormindo pouco para dar tempo de fazer tudo o que eu achava que faria nestes 365 dias que passaram por mim rápidos demais.
Ciente de que passo por dias melancólicos e que papai tinha razão ao alertar-me que “tristeza não paga dívida”.

Acabo 2008 com mais dúvidas do que certezas.
Com saúde.
Saudade.
Cheio.
Pois estou amando...

blasphemy by: silver | 1/4/2009 11:55:21 PM |Comentários:


Quinta-feira, Dezembro 11, 2008

_________________________________________________________________

Querendo...

Eu só quis agradar a você.
Ouvir uma música boa em sua companhia.
Agradar-me. Fotografar o melhor de nós.
Enquanto os outros diziam que éramos iguais...
Menti para mim mesmo.
Desenhei um sonho comum.
Queria mesmo que fossemos infinitos.
Queria que tivéssemos nos dado a chance de viver outra história.
Que escrevêssemos diferente.
Na sua língua. Na minha. Na nossa.
Que invertêssemos nosso avesso, voltássemos ao começo e pensássemos no plural.

blasphemy by: silver | 12/11/2008 01:49:21 PM |Comentários:


Segunda-feira, Dezembro 08, 2008

_________________________________________________________________

Deja Vu?

Só tenho que saber que este amor também vai passar, e como os outros, doer.

blasphemy by: silver | 12/8/2008 12:24:29 AM |Comentários:


Quinta-feira, Maio 15, 2008

_________________________________________________________________

What you want?

Too often,
The thing you want most,
Is the one thing you can't have.
Desire leaves us heartbroken,
It wears us out,
Desire can wreck your life.
But as tough as wanting something can be,
The people who suffer the most,
Are those who don't know what they want.

blasphemy by: silver | 5/15/2008 07:34:38 PM |Comentários:


Sexta-feira, Dezembro 14, 2007

_________________________________________________________________

The End

Maybe it's like what you said.
We should just both go our separate ways and then we'll do just fine.
What if fine isn't good enough?
What if I want extraordinary?
Well I think you'll never know.
Because you gave up on me.

blasphemy by: silver | 12/14/2007 11:58:08 AM |Comentários:


Quinta-feira, Dezembro 06, 2007

_________________________________________________________________

A você..
Que tenho certeza, nunca irá ler...


E se eu te disser,
Te quero de volta.
Você me aceitaria?
Você me entenderia?
Ou tudo isso não faz a menor diferença?
O que eu sinto,
O que eu digo.
E se eu te disser,
Ainda penso em você.
Nunca deixei de pensar,
Nunca deixei de amar.
E se eu te disser,
Que sempre amei,
Mesmo sem você saber,
Mesmo sem te dizer.

blasphemy by: silver | 12/6/2007 10:53:33 PM |Comentários:


Quarta-feira, Outubro 31, 2007

_________________________________________________________________

O título é você...

Deixa eu ficar
Mais um segundo;
Deixa eu respirar
Mais um minuto;
Deixa eu viver
Mais uma vida;
Deixa eu passar
Mais um pouquinho;
Só mais um tempinho
Com você.

blasphemy by: silver | 10/31/2007 06:44:07 PM |Comentários:


Quarta-feira, Agosto 22, 2007

_________________________________________________________________

Dreams

At some point...
Maybe we accept that the dream has become a nightmare.
We tell ourselves the reality is better,
We convince ourselves it's better that we never dream at all,
But the strongest of us,
The most determined of us,
We hold on to the dream,
Or we find ourselves faced with a fresh dream we never considered.
We alwake to find ourselves,
Against all odds,
Feeling hopeful,
And if we're lucky,
We realize...
In the face of everything,
In the face of life,
The true dream,
Is being able to dream at all.

blasphemy by: silver | 8/22/2007 11:55:55 AM |Comentários:


Sexta-feira, Junho 22, 2007

_________________________________________________________________

Plans

The people always have a plan,
But even with the best plans,
Complications can arise,
Things can go wrong.
The thing about plans is,
They don't take into account the unexpected.
So when we're thrown a curveball whether it's in the work,
Or in life...
We have to improvise.
Of course,
Some of us are better at it than others...
Some of us just have to move on to plan B...
And make the best of it.
And sometimes...
What we want...
Is exactly what we need.
But sometimes...
Sometimes what we need is a new plan.

blasphemy by: silver | 6/22/2007 01:03:47 AM |Comentários:


Terça-feira, Maio 01, 2007

_________________________________________________________________

Expectations

No one believes their life will turn out just kind of okay.
We all think we're going to be great.
And from the day we decide to be,
We are filled with expectation...
Expectations of the trails we will blaze,
The people we will help,
The difference we will make.
Great expectations of who we will be,
Where we will go.
And then we get there.

We all think we're going to be great.
And we feel a little bit robbed when our expectations aren't met.
But sometimes, our expectations sell us short.
Sometimes the expected, simply pales in comparison to the unexpected.

You gotta wonder why we cling to our expectations.
Because the expected is...
Just what keeps us steady, standing, still.
The expected's just the beginning.
The unexpected...
Is what changes our lives.

blasphemy by: silver | 5/1/2007 06:45:57 PM |Comentários:


Domingo, Abril 01, 2007

_________________________________________________________________

The Time Has Come

Time flies;
Time waits for no man;
Time heals all wounds;
All any of us wants is more time;
Time to stand up;
Time to grow up;
Time to let go;
Time.

blasphemy by: silver | 4/1/2007 01:47:54 AM |Comentários:


Segunda-feira, Janeiro 15, 2007

_________________________________________________________________

Deja Vu

Ando pensando em nós
Tudo que não vivemos
Depois de tanto tempo
Você ainda está em mim.

Poucas palavras talvez
Nem um sinal, nenhuma vez
Perdi a noção de ser ou nao ser
Te ter era minha intenção.

Agora o tempo faz questão de me lembrar
Que eu não pertenço mais aquele lugar
E toda vez que eu tento te esquecer
Só pra me encontrar.

Poucas palavras talvez
Nem um sinal, nenhuma vez
Sou mais uma nota daquela canção
Que você ja cansou de escutar...

blasphemy by: silver | 1/15/2007 11:11:01 PM |Comentários:

archives

links

Outro Blog Imbecil

Thoughts